Início > Plantas > Cerejeira Bigarreau Tardif de Vignola

Cerejeira Bigarreau Tardif de Vignola   /   Prunus cerasus Tardif de Vignola

Retroceder   Volte à lista   Avançar

Comprar: Cerejeira Bigarreau Tardif de Vignola

 

Imagens sobre:  Cerejeira Bigarreau Tardif de Vignola

 

Saber tudo sobre: Cerejeira Bigarreau Tardif de Vignola

Cerejeira Bigarreau 'Tardif de Vignola' - Prunus cerasus tardif de vignola (latim)

Origem geográfica: Itália, região de Vignola
Dimensão adulta: Pode atingir a altura de 6 metros.
Folhagem: Caduca.
Tipo de solo: Todos exceto os solos demasiado húmidos.
Clima: Resiste até - 15°C
Exposição: Ensolarada.
Polinizadores: Gigante de Hedelfingen (variedade tardia)


Características e utilizações:
A cerejeira é uma árvore que encontramos frequentemente nos jardins. Em abril fica coberta com uma generosa floração branca antes do aparecimento das cerejas. De todas as árvores de fruto, a cerejeira faz parte das que necessitam de menos cuidados e das que produzem mais facilmente. As cerejeiras são de crescimento rápido, até 1 metro de crescimento por ano e uma produção massiva pode ser possível a partir do segundo ano.
A cerejeira Bigarreau ‘Tardif de Vignola’ oferece uma floração tardia a partir do mês de maio. As suas flores brancas que chegam mais tarde que as outras variedades asseguram uma boa resistência às geadas e melhoram a produção de frutos.
A cerejeira ‘Tardif de Vignola’ é a candidata ideal para as regiões frias e as produções tardias. Produz cerejas grandes e crocantes de polpa firme e doce.

Plante agora: O circuito mais curto é o do seu jardim ao seu prato!

Jean-Michel Groult lhe aconselha

Não gosta de estar sozinho
Acima de tudo, a cerejeira necessita da companhia de outra cerejeira, distancia máxima de 50 metros (voo de abelha) para que produza frutos. Sozinha, a árvore dá muita flor depois de estar bem instalada mas poucas flores se tornam frutos. Se houver outra variedade na proximidade irá dar muito fruto. Assim, deve pensar em plantar, pelo menos, duas árvores. Algumas astúcias permitem limitar o volume da cerejeira (ver abaixo). Mas se não tiver espaço para duas árvores, não há problema: ofereça uma ao seu vizinho, mesmo que tenha que ir lá plantá-la para que cada um possa beneficiar das cerejas! A árvore necessita de tão poucos cuidados que ele não será capaz de recusar...

Limitar o desenvolvimento da árvore
A cerejeira cresce naturalmente com tronco alto, direito e pode atingir 12 metros de altura com 10 metros de circunferência. O que quer dizer que ela gosta de crescer e se a deixar crescer à vontade, as cerejas vão olhar para si com ar de desafio do alto dos ramos. A solução consiste em podar, cortando o ramo central acima dos ramos laterais. Atenção: esta operação é irreversível! Pense bem antes de o fazer. Por exemplo, se cortar o ramo principal a 50 cm de altura, terá uma cerejeira com ramos muito baixos e não será fácil passar o corta-relva por baixo. Em princípio, corta-se a cabeça da árvore a 1,20 m ou 1,50 metros do solo. A poda da árvore deve ser feita no máximo de 2 anos após a plantação. Se o ramo principal tiver mais de 5 cm de diâmetro já é tarde demais.

Guie os ramos
Outra maneira de ganhar algum espaço é forçar a árvore a crescer na direcção que deseja. Pode colocar um tutor nos ramos jovens, para lhes dar uma orientação mais descaída que a sua forma natural. Deixe estes suportes durante, pelo menos, dois ou três anos.

Poucas doenças, pouca manutenção
A cerejeira é uma árvore autónoma. Depois de bem instalada, resiste à seca e não necessita de poda. Quando o local é muito húmido, por vezes a casca estala e deixa alguma resina escorrer. Não a deve retirar. Se a ferida for grande (o tronco incha um pouco e foca com uma cicatriz de mais de 10 cm), aplique calda bordalesa com um pincel para que penetre bem nas anfractuosidades e deixe que a árvore recupere.

O problema mais corrente é os frutos estalarem. Acontece quando há falta de água antes que a humidade volte de novo, quando as cerejas estão maduras. A árvore e os frutos enchem-se de água de repente e a pele estala. Para evitar isso regue a árvore (100 l junto do pé, todas as semanas) assim que as cerejas comecem a mudar de cor e até ao fim da colheita, caso a humidade não tenha, entretanto voltado.

Boas astúcias
Retirar a erva junto do pé e aplicar uma mistura branca ao longo do tronco (em qualquer altura mas de preferência no fim do Inverno) ajuda a cerejeira a ficar com saúde.

Retroceder   Volte à lista   Avançar

 

As suas opiniões sobre: Cerejeira Bigarreau Tardif de Vignola

             >> Dê-nos a sua opinião

Pépinières PLANFOR
1950 Route de Cère
40090 UCHACQ - FRANCE
Tel : 214.245.101