Mudar o vaso de uma planta

Quando cultiva-se uma planta em vaso, explora a terra que é ao alcance e acaba por não encontrar os elementos nutritivos que precisa. O contributo de adubos tem os seus limites e é necessário portanto de vez em quando, alterar uma parte da terra : mudar o vaso da planta.

Mudar superficie

O momento certo

Mudar o vaso apenas antes que a planta forma novos rebentos. Muitas vezes, o fim do inverno é o melhor momento. Para os vegetais bem rústicos e que passam o inverno fora no seu vaso, pode-se também mudar o vaso no outono. As plantas muito friorentas, como as cactáceas, o vaso pode ser mudado no verão.

O material necessário

Para mudar o vaso da planta, vai precisar de uma mistura adaptada às necessidades da planta que vai mudar a terra : um terrico de boa qualidade, por exemplo. Em geral, muda-se o vaso de uma planta num vaso um pouco mais largo que o precedente, de 2 cm por exemplo. É necessário também desenredar as raizes (é importante) : uma garra à mão ou se não tiver, um velho garfo cujo torce-se a pega.

Comece por sair a planta do seu antigo vaso. Se o vaso tiver um colo mais estreito que o resto, o torrão não vai sair quando vai ser “desmuldado” e é preciso cortar as raizes, não há outra maneira de ser ! Com a garra, retire a terra penteando as raizes, como se tivesse a almofaçar a juba de um cão. Não tenha medo de pôr as raizes a nu, retirando a terra sobre 3 cm de largo, ou mesmo mais.

No fundo do novo vaso, coloque uma camada de drenagem e um pouco de terra, como se fosse uma nova plantação. Coloque a planta, amarando de uma mão. Do outro, traga o terrico novo de forma a preencher o espaço entre o torrão e a parede do vaso. Faça descer o terrico neste espaço estreito e amontoe. Não deve permanecer bolsas de ar. Em seguida, acrescente o terrico até alguns centímetros debaixo do rebordo do vaso (nunca se preenche rente). Em seguida, regue afogando a base da planta (isso também permite preencher eventuais bolsas de ar). Não fertilize antes vários meses.

Uma alternativa : o facto de tirar uma parte da terra (em superficie)

Em vez de pôr a planta noutro vaso, pode-se apenas tirar a terra na superficie, ou seja de alterar a terra de 10 cm de altura, sem mudar o vaso ou até mesmo de tirar a planta do vaso. Deite o vaso e faça cair toda a terra que pode, raspando com uma ferramenta. Coloque o vaso direito, preenche de terrico fresco todo o volume que retirou, regue em seguida. É tudo !

M. Jean-Michel GROULT
 
Pépinières PLANFOR
1950 Route de Cère
40090 UCHACQ - FRANCE
Tel : 214.245.101
Fax : 0033 558 064 854