Plantação do feto em vaso

Têm uma folhagem tão fina como as plumas, evocando a doçura do início do bosque. Nada melhor que um feto num vaso para alegrar um cantinho com sombra!

Plantação do feto em vaso

O regresso ao sucesso

Os fetos foram muito utilizados no século XIX. Nesta altura havia uma verdadeira paixão por esta planta, “a loucura dos fetos”. Hoje apreciamos a sua ligeireza e a sua vegetação sem artifícios, estamos a falar de jardinagem no seu estado mais natural. Num vaso, esta planta faz sobressair as outras quer sejam flores ou folhagens decorativas. É muito simples: é impossível errar numa associação de plantas com fetos pois eles ficam bem com qualquer uma!

Humidade e húmus

Os fetos são plantas que gostam de humidade mesmo se existem exceções. Num vaso, deve dar-lhes uma atmosfera de verão, um pouco mais quente. Se o feto tiver sede, colocar-se-á em repouso e vai esperar que as coisas melhorem, mas perderá as suas folhas. E nem todos aguentam a falta de água. Estas “penas vivas” também não gostam que as suas raízes fiquem mergulhadas na água. Não deixe a água estagnar no prato do vaso, mais de metade do dia, depois de os regar. É a sua única exigência. Bem regados poderão viver muito tempo, sem exigir muitos cuidados.

Plante-os

Escolha um vaso que seja bastante grande para que possa ter uma boa reserva de água. Se não tiver muito lugar plante-os junto de outra planta, num vaso grande. Os fetos não têm medo da concorrência das raízes das outras plantas e contentam-se com poucos elementos nutritivos.

As etapas

1 Retire a planta do vaso de cultura.

Plantação do feto em vaso
2 Coloque num vaso com, pelo menos, 20 cm.
Plantação do feto em vaso
3 Encha com substrato rico em húmus.

Plantação do feto em vaso
4 Assente e calque a terra um pouco com os dedos.
Plantação do feto em vaso
5 Regue de imediato até que a terra fique saturada de água.
Plantação do feto em vaso
6 Coloque junto de outras plantas com folhagem.
Plantação do feto em vaso

Cuidados

Os fetos em vaso não necessitam de muitos cuidados além da rega. Corte as folhas mortas no fim do Inverno para deixar lugar às novas folhas que vão nascer. Não coloque muito adubo: os fetos são plantas com poucas necessidades mesmo. Coloque um pouco de substrato em vez de adubo pois pode arriscar-se a queimar as raízes. Os fetos, depois de terem encontrado o seu ritmo no vaso, gostam de tranquilidade!

M. Jean-Michel GROULT
 
Pépinières PLANFOR
1950 Route de Cère
40090 UCHACQ - FRANCE
Tel : 214.245.101
Fax : 0033 558 064 854